entretenimento Notícias

Grupo de mulheres vai plantar ipês em homenagem as vítimas da Covid-19 em Goiânia

Um grupo de mulheres que integram o ‘Bloco Não é Não’ vai promover nos dias 31 de outubro e 1º de novembro, um evento para marcar o Dia dos Finados.

No ano passado, o bloco feminista de Goiânia fez a primeira Festa dos Mortos, lembrando as tradicionais festas mexicanas que são patrimônio cultural da humanidade. Agora, o Bloco Não é Não, junto com a Sociedade Ambientalista Brasileira no Cerrado, vão plantar árvores para homenagear as vitimas da Covid-19.

Amanhã , sábado, dia 31, as mulheres vão plantar árvores em áreas desmatadas às margens do Ribeirão João Leite. E, no domingo, dia 1º, o grupo irá fazer um novo e maior plantio no Cemitério Parque de Goiânia. Cedidas pela Agência Municipal do Meio Ambiente – AMMA, são 30 mudas de Ipês de várias cores – as árvores símbolos do Cerrado goiano.

Antes do plantio, as mulheres que integram o Bloco Não é Não, obedecendo às normas de segurança e usando máscaras próprias, vão fazer uma rápida intervenção. As professoras Romênia Sousa e Maria Aurora Neta, que perderam um irmão para a Covid-19, vão declamar um poema em sua homenagem.

Serviço
Bloco Não é Não e Sociedade Ambientalista Brasileira no Cerrado
Homenagem aos Mortos da Covid-19
Horário: 9h
Dia 31: Rua Beira Rio chácara 4 setor Santa Genoveva 2
Dia 01: Cemitério Parque de Goiânia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: