Notícias

Uma das maiores estiagens dos últimos anos; bajeenses somam dois meses de racionamento de água

A medida de racionamento de água já é conhecida pela população de Bagé. Contudo, a estiagem deste ano vem sendo considerada como uma das maiores nos últimos anos.

Na sexta-feira (22) o racionamento completou dois meses de implantação. Conforme divulgado pela administração pública, os níveis de chuvas estão a abaixo das médias desde novembro de 2019.

Conforme uma moradora do bairro Daer o racionamento ocorre das 15h às 3h.

“Quando não tínhamos caixa d´água era complicado. Enchíamos galões de 5l e torcíamos para que a água voltasse logo. Ás vezes só voltava no outro dia. Ainda hoje, ela não volta no horário marcado, sempre demora mais”, fala a dona de casa.

O esquema de revezamento foi montado para que áreas do município se mantenham durante 12h com o recurso, enquanto outros bairros permanecem com racionamento e assim vice e versa.

As duas principais barragens que abastecem o município apresentam níveis crítico. O Piraí está 6,20 m aquém e a Sanga Rasa está 6,80 m negativos. Outras medidas vem sendo colocadas em ação como reativação de poços; no momento 11 poços estão em funcionamento.

Ainda conforme divulgado pela prefeitura, vem sendo feito transporte de água da Pedreira localizada na Britasul até a barragem emergencial. Desde o início da transposição, que começou em abril, já foram levados 2 milhões 840 mil metros cúbicos de água.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: